Com safra, preço do etanol cai mais de 40 centavos em Botucatu

Com os novos valores, o etanol volta a ser competitivo diante da gasolina. Média do litro é de R$ 2,49

por Flávio Fogueral

Após beirar os R$ 3 em fevereiro, o litro do etanol sofreu forte queda no preço praticado em todo o Estado. Em Botucatu não é exceção, sendo que o combustível, que tem por base a cana-de-açúcar, é encontrado por valores mais competitivos.

Mesmo assim, a diferença de preço em Botucatu varia poucos centavos. Enquanto em alguns postos o litro do etanol é comercializado a R$ 2,49, outros (principalmente os chamados “bandeira branca”), oferecem o combustível a R$ 2,39. Para completar o tanque de um carro popular em Botucatu, cuja capacidade média é de 50 litros, o motorista deverá desembolsar R$ 125, ante R$ 147 do valor cobrado antes do aumento.

Os principais motivos para a queda acentuada no preço do etanol é a maior oferta do produto nas usinas, ocasionada pelo período de safra de cana-de-açúcar e a queda na demanda pelo produto. O etanol iniciou 2016 a preço médio de R$ 2,79 o litro. Nas semanas seguintes, sucessivos aumentos fizeram com que o produto chegasse ao consumidor a média de R$ 2,94 o litro.

Com os novos valores, o etanol volta a ser competitivo diante da gasolina, já que pelo cálculo de divisão (preço etanol/ preço gasolina), os valores chegam a dar média de 0,66- a gasolina é mais vantajosa quando este resultado passa de 0,70. O cálculo é feito pois motores movidos a gasolina apresentam rendimento melhor dos que os movidos a etanol, tanto em áreas urbanas quanto nas rodovias.

Diferenças com outras cidades

Mesmo com a queda acentuada no valor, o etanol vendido em Botucatu é mais caro ao comparado em outras cidades como São Manuel, onde o litro já é comercializado a R$ 1,92. Em Bauru, o preço encontrado nas bombas varia de R$ 1,90 a R$ 2,20. Postagens em redes sociais mostram, que em outros municípios, como Franca, o etanol pode ser encontrado a R$ 1,60

Deixe uma resposta