Unesp de Botucatu recebe estudantes para treinamento em práticas agrícolas

O treinamento foi iniciado no dia 08 de janeiro, com um planejamento de implantação das culturas

da Assessoria da FCA

Um grupo formado por 28 estudantes de graduação de instituições como a Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás (UFG), Faculdade de Tecnologia “Shunji Nishimura” de Pompeia, Eduvale de Avaré, além da própria Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) da Unesp, está participando de mais uma edição do Treinamento de Aprendizagem de Técnicas Agrícolas promovido pelas Fazendas de Ensino, Pesquisa e Extensão (Fepe) da FCA.

Durante duas semanas, os estudantes percorrem vários setores da Faculdade, acompanhados por docentes, servidores e residentes da FCA, recebendo informações e participando de atividades práticas sobre os mais variados temas vinculados à atividade agrícola. O treinamento foi iniciado no dia 08 de janeiro, com um planejamento de implantação das culturas de arroz, milho e soja, incluindo recomendação de calagem, recomendação de adubação e formulação de adubo.

Na sequencia, as atividades dos participantes compreendem: cálculo da plantabilidade e custos; coleta de plantas daninhas e identificação para recomendação de herbicida; regulagem de pulverizador acoplado e costal; regulagem de arado; conservação de solo, regulagem de semeadora e de colhedora, Cadastro Ambiental Rural (CAR), determinação de produtividade e manutenção de tratores, nivelamento e sistematização da várzea.

Também serão realizadas palestras com os professores Roberto Lyra Villas-Bôas (cubagem de madeira, defensivos e compostagem) e Edmar José Scaloppi (irrigação). O treinamento vai até o dia 19 de janeiro. Uma segunda edição do curso, com mais 30 participantes inscritos, acontece de 23 de janeiro a 02 de fevereiro.

Para o servidor Mario de Oliveira Munhoz, responsável pelo setor de Produção Vegetal das Fepe, o contato direto com a fazenda é importante para os graduandos. “Eles fazem o planejamento da cultura e realizam todas as operações a campo. É um treinamento que ajuda os alunos a se prepararem para ingressar no mercado. Fazemos esse trabalho há seis anos, sempre no período de férias, e recebemos um retorno excelente por parte de quem participa”.

Nesta edição do treinamento, um grupo de 22 alunos da UFG, vinculados ao Grupo de Estudos em Tecnologias Agrícolas (GETA) veio participar. “Quem quiser se preparar bem para o mercado de trabalho precisa do conhecimento prático e esse treinamento é muito adequado para isso. Podemos aprender com excelentes profissionais sobre todas as etapas do plantio e condução de uma lavoura”, comenta Juliana de Souza Simão, aluna do quarto ano de Agronomia da UFG. “Aprender e vivenciar a parte prática com especialistas na área é uma oportunidade incrível. O curso está superando as expectativas que tínhamos”, complementa Túlio Bento Martins Santos, aluno do quinto ano de Agronomia da UFG.

Amanda Zinn Cavalieri cursa o terceiro ano do curso Mecanização e Agricultura de Precisão na Fatec de Pompéia. Ela veio com outros quatro colegas para participar do treinamento. “Estamos aqui para aprender mais sobre a parte prática. Está sendo uma experiência incrível”.

Para o supervisor das FEPE da FCA, professor Roberto Lyra Villas-Bôas, o treinamento proporciona um ganho inegável na formação dos estudantes. “Sentimos que os alunos da área de Ciências Agrárias estão carentes de conhecimento prático. Esse treinamento de férias é uma forma de tentar suprir isso. Temos várias atividades sendo executadas nas Fazendas, que podem ser acompanhadas por eles. Já constatamos que esse treinamento amplia a visão do aluno e melhora até o seu desempenho nas disciplinas teóricas. É um evento que tem tido uma aceitação muito boa e ajuda o futuro profissional a construir seu conhecimento. Além disso, há muita troca de experiências com os colegas que vêm de outras regiões. É uma vivência muito enriquecedora”.