Unesp de Botucatu oferece curso de urgências e emergências em áreas remotas

É a terceira edição nacional e primeira vez que a capacitação será realizada no Estado de São Paulo

da Assessoria da Unesp

Entre os dias 16 e 18 de março, a Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) sediará o curso Advanced Wilderness Life Support (AWLS), iniciativa que capacita profissionais de saúde na identificação, prevenção e tratamento de urgências e emergências médicas fora do ambiente hospitalar. É a terceira edição nacional e primeira vez que a capacitação será realizada no Estado de São Paulo.

O curso Advanced Wilderness Life Support (AWLS) tem a proposta de estabelecer protocolos de identificação, tratamento e evacuação para problemas médicos que ocorrem em ambientes remotos (montanhas, cachoeiras, áreas florestais, lagos, etc).

O programa de certificação em Advanced Wilderness Life Support tem crescido desde sua criação, em 1997. A elevada demanda, inclusive de centros fora dos Estados Unidos, resultou na formação de uma organização que promove o crescimento responsável do programa, a AdventureMed.

Avaliação do paciente, manejo dos ferimentos, acidentes por raios, avalanches, afogamentos, encontros com animais, mergulho, doenças infecciosas são alguns dos temas que serão abordados nos três dias de atividades. Palestrantes nacionais e internacionais participarão dos debates e discussões.

Informações sobre inscrições, carga horária e programação podem ser obtidas clicando aqui.

Histórico

À medida que mais pessoas aventuram-se em ambientes remotos, mais aumentam as lesões e os problemas médicos nesse contexto. Até o presente momento, nenhum ramo da medicina dedicou-se a ensinar profissionais médicos como tratar ou prevenir tais ferimentos. A medicina de áreas remotas engloba a prevenção, diagnóstico e tratamento de lesões e condições médicas que podem ocorrer durante as atividades em territórios selvagens, longe de cidades, ambulâncias e hospitais. Em outras palavras, como praticar medicina onde não há nenhum apoio médico e onde pode-se ter que improvisar cuidados?

O curso Advanced Wilderness Life Support (AWLS) foi criado em 1997, por um grupo de médicos da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, liderados pelo professor Richard Ingebretsen. Hoje, o AWLS alcançou status de certificação internacional para profissionais da área da saúde que desejam se especializar em medicina de expedições e áreas remotas. Os protocolos e diretrizes que têm sido desenvolvidos são consideradas o padrão ouro de atendimento nessa área. Desde a sua criação, milhares de profissionais em todas as partes do mundo já foram certificados pelo programa de AWLS.