Vigilância Ambiental em Saúde realiza nebulização no Jardim Ciranda

A ação foi feita em seis quarteirões do bairro e foi motivada pela notificação de um caso suspeito

da Prefeitura de Botucatu

A Vigilância Ambiental em Saúde, VAS, realizou nesta quarta-feira, 20, um bloqueio de nebulização no Jardim Ciranda, região Leste do Município. A ação foi feita em seis quarteirões do bairro e foi motivada pela notificação de um caso suspeito importado de dengue.

O paciente notificado relatou deslocamento para a cidade de Bauru nos quinze dias anteriores ao aparecimento dos primeiros sintomas, caracterizando assim, um caso importado de dengue.

“No município de Bauru já foram notificados milhares de casos de dengue, e por isso, existe a preocupação de que o mosquito presente no entorno da residência do paciente se infecte ao picá-lo e comece a transmissão da doença no bairro da ação. A nebulização (aplicação de inseticida) tem por objetivo matar os mosquitos adultos possivelmente infectados e, assim, quebrar o ciclo de transmissão da doença”, afirma Valdinei Campanucci, Supervisor de Serviços de Saúde Ambiental e Animal.

É importante que a população continue atenta, não deixando recipientes com água parada sem a manutenção adequada. Pratos de plantas, latas e potes utilizáveis, brinquedos, bebedouros de consumo animal, ralos, calhas, materiais inservíveis (latas e potes não utilizáveis, plásticos, materiais de construção) são os principais criadouros de mosquitos detectados nos imóveis.

Ao aparecimento de sintomas característicos de dengue como: febre alta, dor de cabeça, dores nas articulações, cansaço e indisposição, deve-se procurar atendimento médico. Se houver a suspeita de dengue, o caso é notificado e as ações para quebrar o ciclo de transmissão da doença serão desencadeadas oportunamente.