São Paulo e Corinthians iniciam disputa pelo título do Paulista 19

O jovem time do Morumbi quer voltar a soltar o grito de campeão Estadual após 14 anos

da FPF

São Paulo e Corinthians iniciam a disputa da grande decisão do Paulistão Sicredi neste domingo (14), às 16h, no estádio do Morumbi. Após 16 anos, as equipes voltam a decidir o campeonato em momentos distintos: o jovem time do Morumbi quer voltar a soltar o grito de campeão Estadual após 14 anos, enquanto o experiente elenco corintiano sonha com o tri após 80 anos.

Esperança tricolor
Recém-chegado ao São Paulo, Cuca destacou o comprometimento do elenco tricolor para conquistar o Paulistão Sicredi. “Eu quero muito ser campeão. Mas quem menos vai ter mérito nesse título sou eu. O grande mérito vai ser, acima de tudo, dos jogadores. Eles saíram de uma condição muito adversa e os meninos foram melhorando e mudando a história. Não ganhamos nada, mas o torcedor está feliz pelas coisas projetadas é uma resposta positiva tão cedo como está acontecendo”, enfatizou o comandante tricolor.

Cuca também fez uma projeção dos dois confrontos diante do Corinthians. “Temos que dividir a final em duas partes. Acho que para esse primeiro jogo não tem favorito. Temos a força do nosso torcedor, o Corinthians tem experiência. Não podemos de forma alguma dizer que somos favoritos. Dependendo do que acontecer nesse jogo pode haver um favorito para a segunda partida”, disse o treinador.

Desde quando Vagner Mancini assumiu o time, os jogadores revelados na base tricolor passaram a ter mais oportunidades e Cuca falou a respeito do protagonismo dos jovens. “Eles encaram este momento com naturalidade. Não tem o que mudar. Esse é o momento do grande jogador, não importa idade. Às vezes com 18, 19 anos o jogador se torna protagonista. Acredito que vão fazer um grande jogo”, completou.

Experiência corintiana
Atual bicampeão paulista, o Corinthians vai em busca do tricampeonato após 80 anos. “Além de disputar uma final com condições de título, se acontecer e você deixar seu nome na história do clube, isso marca para sempre na história do clube. A gente sabe da dificuldade que é o Paulista, um campeonato muito difícil. Chegar numa terceira final nos deixa muito feliz. Espero poder fazer um grande jogo para conseguir nosso principal objetivo”, disse o lateral direito Fagner.

No clube desde 2014, Fagner fez uma comparação dos elencos de 2017 e 2018 com o de hoje. “É uma pergunta difícil, o atual elenco está na final, os outros dois foram campeões. As peças eram diferentes, jogadores com características diferentes. É difícil apontar qual era melhor. Espero que esse construa a sua história, como os outros dois construíram e que a gente seja campeão”, indicou.

Por fim, o experiente lateral falou sobre os dois confrontos contra o São Paulo. “Não tem muito o que escolher, como é um jogo de 180 minutos, você tem que fazer os dois com muito equilíbrio. Contra o Santos, faltou um pouco no segundo jogo. Fizemos um primeiro jogo muito bom, mas o segundo ruim. Serviu como aprendizado para que a gente faça dois grandes jogos na final e consiga o título”, concluiu Fagner.

Ficha técnica:
São Paulo x Corinthians;
Horário:
 16h;
Local: estádio do Morumbi, em São Paulo;

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira;
Assistente 1: Marcelo Van Gasse;
Assistente 2: Emerson Augusto de Carvalho;
Quarto árbitro: Lucas Canetto Bellote;
VAR: Marcio Henrique de Gois;
AVAR 1: Daniel Paulo Ziolli;
AVAR 2: Rodrigo Guarizo do Amaral;

São Paulo: Volpi, Hudson, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Liziero e Igor Gomes; Antony, Everton Felipe e Everton. Técnico: Cuca.

Corinthians: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar (Carlos Augusto); Ralf, Júnior Urso e Jadson; Ramiro, Clayson e Gustagol. Técnico: Fábio Carille.