Cury reúne-se com governador para tratar do Departamento Regional de Saúde de Botucatu

Cury apresentou o andamento do processo para implantação do DRS-18

da Assessoria

O deputado estadual Fernando Cury reuniu-se com o governador João Dória para dar encaminhamento a implantação do Departamento Regional de Saúde de Botucatu.

O encontro do parlamentar com o chefe do executivo paulista aconteceu na Assembleia Legislativa. “Desde o início do nosso mandato estamos lutando por esse pleito, com a certeza de que será o melhor para a população. Aproveitei essa oportunidade para reforçar o pedido ao governador, que mais uma vez, mostrou-se sensível ao caso”, comentou.

Cury apresentou o andamento do processo para implantação do DRS-18. “O Departamento de Saúde de Botucatu já foi criado através de um decreto, e nessa atual gestão do Governo de São Paulo, houve mais duas publicações no Diário Oficial: a primeira criando a unidade financeira e orçamentária para que a Secretaria de Saúde possa fazer o repasse dos recursos, e a segunda com informações sobre a estruturação organizacional, com a disposição de todos os cargos”, afirmou.

De acordo com o deputado, as cidades envolvidas são favoráveis à mudança. “Atualmente, são cinco regiões que compõem a Diretoria Regional de Saúde de Bauru: Bauru, Jaú, Lins, Botucatu e Avaré. A abrangência é grande e isso dificulta o atendimento rápido e da maneira que a população espera. Com esse novo formato, haverá uma divisão e o DRS de Botucatu ficará responsável pelo serviço prestado para as regiões de Botucatu (Polo Cuesta), Avaré (Vale do Jurumirim) e de Jaú. São 42 cidades no total, sendo que 41 já assinaram um documento em apoio à implantação do Departamento Regional de Saúde 18, em Botucatu”, explicou.

Para Fernando Cury, a expectativa é positiva em relação ao trabalho realizado. “Nessa reunião com o governador, que contou com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, tivemos o posicionamento de que o Governo também é favorável à essa medida, e que tudo segue sob análise da Secretaria de Saúde, para avaliação técnica e de custo. Houve o compromisso do governador para que tenhamos uma resposta ainda nesse primeiro semestre. Não tenho dúvidas de que com o novo Departamento Regional de Saúde de Botucatu, o atendimento aos pacientes será mais rápido e de melhor qualidade”, completou.