Operação encontrou quase 2% dos imóveis com larvas do Aedes aegypti na região do Jd. Aeroporto

Ao todo, 30 caminhões de materiais inertes foram retirados dos bairros

da Prefeitura de Botucatu

Os bairros Jardim Aeroporto, Residencial Cedro, Jardim Santa Cecília e Mutirão receberam o programa “Botucatu: Todos Contra a Dengue” nos últimos dias 7 e 8 de junho, sexta-feira e sábado.

Ao todo, 30 caminhões de materiais inertes foram retirados dos bairros nos dois dias pelos caminhões da Prefeitura por equipes de servidores municipais e voluntários.  Agentes de combate às endemias visitaram 616 imóveis dos 4 bairros e 1,78% deles possuíam larvas do Aedes aegypti.

A escolha dos bairros se deu justamente após o registro de casos de dengue na região e a existência de outros suspeitos que ainda podem ser confirmados. Outro fator que colaborou para a escolha é o levantamento de densidade larvária, realizado pela Vigilância Ambiental do Município, que apontou a maior necessidade de intervenção nessa localidade.

“Além do combate aos criadouros e do recolhimento dos materiais inservíveis, orientamos a população para que colabore e continue atuando a fim de evitar a proliferação do mosquito transmissor. Assim vamos evitar uma epidemia de dengue”, afirma Valdinei Campanucci, Supervisor de Serviços de Saúde Ambiental e Animal.

É importante que a população continue atenta, não deixando recipientes com água parada sem a manutenção adequada. Pratos de plantas, latas e potes utilizáveis, brinquedos, bebedouros de consumo animal, ralos, calhas, materiais inservíveis (latas e potes não utilizáveis, plásticos, materiais de construção) são os principais criadouros de mosquitos detectados nos imóveis.

A Prefeitura divulgará, em breve, novos bairros que receberão o programa “Botucatu: Todos Contra a Dengue” nas próximas semanas.