Para onde vai o lixo jogado nas ruas?

O lixo presente na rede de drenagem é a principal causa de alagamento e enchentes na área urbana

por Patrícian Shimabuku

Para onde vai o lixo jogado nas ruas?

Resposta: Para a água!

Papéis de balas, saquinhos, sacolinhas, copos e garrafas plásticas, latinhas, bitucas de cigarros, potinhos de isopor atirados nas sarjetas, mirados nas grelhas dos bueiros, arremessados pelas janelas dos carros ou mesmo os restos de obras e móveis depositados em locais inadequados (como terrenos baldios e estradas rurais) terminam, mesmo que em pequenos pedaços, nos córregos, ribeirões e cachoeiras.

Os lixos quando jogados nas ruas são carregados pelo vento ou pelas enxurradas para os bueiros, que os levam para galerias de drenagem de águas pluviais. Contrariando o senso comum, o conteúdo dos bueiros (águas pluviais/enxurradas) não passa por tratamento (ou filtro/peneira), como o esgoto antes de ser lançado nos córregos. É sabido que, a rede coletora de drenagem de águas pluviais é separada e independente da rede coletora de esgoto.  

O lixo presente na rede de drenagem é a principal causa de alagamento e enchentes na área urbana. O sistema de drenagem é formado por estruturas e instalações de engenharia destinadas ao manejo, transporte, retenção e disposição final das águas das chuvas, logo, a destinação inadequada de lixo entope os bueiros e as galerias, reduzindo a vazão e dificultando o escoamento das águas, e fazendo que ela transborde e retorne para as vias públicas.

Além da feiura da paisagem e mau cheiro (parâmetros negativos para o turismo), o lixo jogado nas ruas é um poluente indireto dos corpos d’água. Seus fragmentos são confundidos com alimentos causando a morte por asfixia e inanição de animais, sua composição poderá liberar substâncias tóxicas contaminando o solo e águas subterrâneas. Alguns poderão enroscar na vegetação das margens (APP – área de preservação permanente) e acumular água (criadouros propícios para mosquitos transmissores de doenças).  

Por fim, sabendo que o destino do lixo jogado nas ruas será a água, e que ele não desaparecerá como mágica na natureza, como você pode contribuir para a transformação da sociedade? O Poder Público não é o responsável exclusivo pela qualidade de vida, manutenção da cidade e protetor do meio ambiente. O lixo jogado nas ruas, infelizmente, revela a falta de conscientização e o altruísmo de cada indivíduo no cuidar urbano e ecológico.

*Patricia Shimabuku é farmacêutica industrial, professora e ativista socioambiental. Para ler todos os artigos da colunista, acesse aqui.