Mais de 390 inscritos em programa de Frente de Trabalho em São Manuel

A seleção das pessoas que irão participar do programa será feita diretamente pela SERT

da Prefeitura de São Manuel

Após sanar os problemas da falha no sistema operacional da SERT-Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho, a Diretoria da Promoção Social conseguiu cadastrar 391 pessoas candidatas a participar do Programa Frente de Trabalho; um programa Emergencial de Auxílio Desemprego que irá atender o bolsista pelo período de 6 meses, prorrogáveis por mais três (3) meses.

Trata-se de um programa social em que não há nenhum vínculo empregatício, onde o bolsista da Frente de Trabalho permanece no Programa por até 9 (nove) meses, com jornada de 6 (seis) horas diárias, 4 (quatro) dias por semana. No 5º (quinto) dia ele participa de um curso de qualificação profissional ou alfabetização.

A seleção das pessoas que irão participar do programa será feita diretamente pela SERT-Secretaria das Relações do Trabalho e será divulgada pela Diretoria da Promoção Social.

PROGRAMA FRENTE DE TRABALHO

Podem participar do Programa Frente de Trabalho, apenas pessoas maiores de 17 (dezessete) anos, sem limite de idade máxima.

CRITÉRIOS CONSIDERADOS PARA A SELEÇÃO 

Criado pela Lei Estadual nº 10.321 de 08 de Junho de 1.999 e regulamentado pelos Decretos nº 44.034/99; nº 44.731/00; nº 47.765/03 e nº 49.017/04. O PEAD reserva 3% (três por cento) para atendimento de pessoas com deficiência física e 2% (dois por cento) egressa do sistema penitenciário respectivamente.
Os candidatos só poderão ser inscritos no programa, caso estejam desempregados no mínimo 01 ano e residam no mínimo há 2 anos no Estado de São Paulo.
No caso do número de alistamentos superar o de vagas, a preferência para participação no programa será definida mediante aplicação, pela ordem, dos seguintes critérios:

1) Aqueles com maiores encargos familiares
2) Mulheres arrimo de família
3) Maior tempo de desemprego
4) Mais idade

O programa oferece ao bolsista os seguintes benefícios:

  1. Bolsa auxílio – desemprego, no valor de R$ 210,00 (duzentos e dez reais);
  2. Cesta básica no valor de R$ 86,00 (oitenta e seis reais);
  3. Curso de qualificação profissional;
  4. Auxílio deslocamento ida e volta para os dias de curso de qualificação profissional, O bolsista só tem direito a receber o auxílio deslocamento se residir acima de dois (2) km do local de trabalho.
  5. Seguro de acidentes pessoais;
  6. Os benefícios serão pagos em conta social aberta pela SERT no Banco do Brasil com cartão magnético emitido em favor do bolsista. Duração do Programa para o bolsista: O Programa Emergencial de Auxílio Desemprego atenderá o bolsista no programa pelo período de 6 meses prorrogáveis por mais três (3) meses.