Para a chuva não encalhar, examine sua calha!

A água é um recurso finito e cada vez mais escasso

por Patrícia Shimabuku*

Para ficar livre de infiltrações e vazamentos dentro de sua casa ou na sua empresa, realize inspeção, limpeza e manutenção das calhas e telhados antes dos períodos chuvosos. 

As calhas são componentes do sistema de escoamento de uma construção, normalmente no formato de um cano entrecortado ou de uma aba, ao longo do perímetro do telhado. Sua função é recolher a água da chuva, conduzi-la para a rede pluvial (não para a rede de esgoto), contribuindo para a formação das enxurradas. À vista disso, as calhas evitam que as paredes recebam as águas das chuvas, reduzindo o processo de deterioração (rachaduras e corrosões). 

Logo por estarem na parte externa e expostas a todo tipo de sujidades e intempéries, são estruturas propícias a vários problemas, como por exemplo, o entupimento. É comum serem obstruídas por folhas, pequenos galhos, bitucas de cigarro, rabiolas de pipa e embalagens plásticas, sem falar da poeira trazida pelo vento. Com entupimento, a água acumulada faz com que a calha se enferruje, transborde, quebre, além de ser foco para proliferação do mosquito Aedes aegypti

Por se tratar de pontos de convergências das águas das chuvas, portanto, as calhas são ótimos captadores de água, quando conduzidas para estruturas de armazenamento, como cisternas. 

A cisterna é uma alternativa de baixo custo e eficaz para economia hídrica. A água recolhida apesar de não ser potável, pode ser aproveitada em diversas atividades (irrigação de jardins, descargas sanitárias, limpezas de calçadas e quintal). No entanto, para que ela não se torne um problema de saúde pública, ela deverá estar bem fechada. O armazenamento das águas das chuvas contribuirá para diminuição do escoamento superficial, reduzindo pontos de alagamento, enchentes e danos nas APP dos córregos urbanos. 

A água é um recurso finito e cada vez mais escasso. É importante pensar nisso e agir em prol da conservação deste recurso tão essencial. Examine sua calha, verifique a possibilidade de canalizar as águas das chuvas para estrutura de armazenamento. Faça sua parte, conserve o meio ambiente!

*Patricia Shimabuku é farmacêutica industrial, professora e ativista socioambiental. Para ler todos os artigos da colunista, acesse aqui. 

Sobre Flavio Fogueral