Audiência Pública na Câmara Municipal debateu a situação do esporte amador em Botucatu

Cerca de 50 esportistas, empresários, representantes de entidades ligadas à alguma modalidade e curiosos estiveram presentes

da Assessoria da Câmara de Botucatu

A Câmara Municipal recebeu um grande público durante a noite da última terça-feira, 18, para realização da audiência pública que debateu a efetivação do Conselho Municipal de Esportes. No total, cerca de 50 esportistas, empresários, representantes de entidades ligadas à alguma modalidade e curiosos estiveram presentes e participaram ativamente da discussão que contou com a fundamental participação do secretário municipal de Esportes, Antônio Carlos Pereira.

Além da autoridade municipal na área, também participaram ativamente do encontro o vereador Lelo Pagani [PT] signatário da solicitação da audiência e que foi quem conduziu o debate, juntamente com os legisladores André Rogério Barbosa – Curumim [PSDB], que atuou como secretário da reunião, Izaias Colino [PSDB], Carlos Trigo [PT], João Elias [SD] e Valmir Reis [PPS].

De acordo com o vereador que conduziu os trabalhos do encontro, atualmente Botucatu conta com inúmeras entidades que representam uma enorme gama de modalidades esportivas, mas que não falam a mesma língua. “Temos muitas associações e entidades que fazem um trabalho brilhante na cidade, mas que não falam a mesma língua. Precisamos mudar um pouco o ideal de lutar apenas pela sua modalidade, mas sim, buscar investimentos para o esporte local de uma maneira mais adequada”, comentou Pagani.

A participação dos presentes durante o encontro foi marcante, com opiniões firmes, desabafos e mensagens de bastante incentivo à criação de um Conselho. “Demos o primeiro passo e isso teria que acontecer. O resultado da audiência foi muito importante para nos aproximarmos do que pensam os esportistas de Botucatu. Agora já temos uma lista com voluntários que serão chamados para uma nova reunião onde decidiremos qual será o próximo passo”, concluiu Pagani.

Deixe uma resposta