Projeto social realiza apresentação de dança

Foram aproximadamente 80 alunos de 7 a 12 anos que participaram da apresentação

da Assessoria

Atuando em Botucatu e no distrito de Vitoriana, há aproximadamente oito meses, o projeto “Bom de Nota, Bom de Dança” realizou a apresentação da primeira turma do projeto, na última terça (14), no EMEF Antenor Serra, em Botucatu. bomDanca1

Foram aproximadamente 80 alunos de 7 a 12 anos que participaram da apresentação. O público pôde acompanhar as coreografias de balé e danças urbanas em dois horários, às 10h e 15h30.

De acordo com o professor Jonas Estevão, as crianças estavam super empolgadas. “Nós, professores, também estamos muito felizes por poder apresentar nossa arte e espalhar a dança”, fala.

“As crianças ensaiam desde o início do Projeto e esta foi uma pequena prévia do espetáculo. O objetivo, com essa apresentação, foi de mostrar a evolução dos alunos e tirar o medo deles de se apresentarem em público”, explica a professora Evelyn Martins, ao ressaltar a importância das apresentações para as crianças do projeto.

A demonstração do trabalho feito em grupo durante as aulas, mostrou a turma, que se forma ainda no primeiro semestre deste ano, preparada para o espetáculo “Universo em Dança”, marcado para maio, no Teatro Municipal de Botucatu.

O festival levará a plateia a sair da Terra e viajar por vários planetas e encerrará os trabalhos realizados desde julho do ano passado com as crianças. O tema do espetáculo surgiu de conversas entre os próprios professores e o conceito está baseado na diversidade dos estilos de dança.

Durante a preparação para ambas as apresentações, os alunos foram levados a refletir sobre as diferenças no mundo da dança e como a junção de estilos pode resultar em algo positivo.

“Tivemos a sensibilidade de mostrar para as crianças que balé e danças urbanas, apesar de estilos diferentes, têm suas belezas, intensidades, dificuldades e que, sobretudo, ambos são artes”, finaliza Mariana.

O projeto
O “Bom de Nota de Bom de Dança”, do núcleo de Botucatu, iniciado em Julho de 2016, atende crianças da cidade e também do Distrito de Vitoriana, há 16km de Botucatu.

Cerca de 300 crianças, de 7 a 12 anos, foram e continuam sendo beneficiadas pelo projeto social. A duração do projeto é de 12 meses e as aulas são realizadas às segundas e terças-feiras na Casa e Praça da Juventude em contraturno escolar.

Segundo a assistente social da APEC (Associação Pró-Esporte e Cultura), Lívia Mariussi, o objetivo do BNBD é desenvolver e aprimorar os movimentos corporais, oferecendo atividades culturais e socioeducativas no período em que as crianças não estão na escola.

“As apresentações e a dança em si são importantes para o autoconhecimento e também para o desenvolvimento da auto estima das crianças”, afirma. De acordo com ela, a missão do projeto é auxiliar no desenvolvimento pessoal e escolar dos jovens, que participam de aulas de balé e dança de rua.

O projeto “Bom de Nota, Bom de Dança” de Botucatu e Distrito de Vitoriana é patrocinado pela Cutrale, através do Programa Nacional de Apoio à Cultura – PRONAC.

Deixe uma resposta