Assassinato de policial aposentado é esclarecido pela DIG

Crime foi planejado pela segunda esposa do PM Almeida e o filho dela, preso em Pirajuí, que contratou outras pessoas

do site Botucatu Online

Policia Civil de Botucatu, através da DIG, esclareceu o crime ocorrido no dia 27 de julho, quando foi encontrado sem vida, com ferimentos feitos com faca, o policial militar aposentado José Paulo de Almeida, de 61 anos.

O crime envolveu 6 pessoas, sendo que 4 foram presas manhã desta segunda-feira, 19. Foram detidos 2 homens e 2 mulheres, em Guarulhos. A ex-companheira do PM e o esposo do primeiro casamento dela, foram presos em Bauru.

Segundo as investigações, o crime foi planejado pela segunda esposa do PM Almeida e o filho dela, preso em Pirajuí, que contratou outras pessoas. A mulher do PM usou calmantes para dopar a vítima.

O casal estava vivendo juntos há cerca de 3 anos. Ele foi amarrado e assassinado. O interesse da mulher e dos demais envolvidos, seria um seguro de vida, no valor de R$ 80 mil e o seguro do veículo que foi incendiado.