Câmara aprova projeto que antecipa pagamento do abono do Fundeb

Repasse do abono do Fundeb contemplará os cerca de 1400 servidores da Educação

da Câmara de Botucatu

Em sessão extraordinária desta segunda-feira 23/12, primeiro dia do recesso parlamentar, os vereadores de Botucatu aprovaram o Projeto de Lei 0095/2019. De iniciativa do Prefeito, a matéria dispõe sobre a concessão de abono ao Magistério Público Municipal de Botucatu remunerado pelo Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino.

A sessão teve início às 10 horas, com a presença de todos os vereadores. Por mais de 30 minutos os trabalhos foram suspensos para que o secretário de Educação, Valdir Paixão, pudesse falar sobre o Projeto e responder perguntas dos vereadores.

Ao final do debate, o PL foi aprovado por unanimidade, ficando desta forma o município autorizado a antecipar o repasse do abono do Fundeb aos cerca de 1400 servidores da Educação. “Nos últimos anos isso vinha sendo feito em março, mas este ano estamos trabalhando para garantir que o valor seja repassado ainda este mês, antes do dia 30”, comentou o secretário, dizendo ainda que o valor será distribuído de forma igualitária a professores e servidores administrativos.