MP pede afastamento de prefeito e diretores de São Manuel após denúncia de improbidade

Acusados teriam usado dinheiro público para participar de um seminário sobre campanha eleitoral

Do G1

O Ministério Público de São Manuel enviou à Justiça uma denúncia de improbidade administrativa contra o prefeito da cidade, Ricardo Salaro, e os diretores de finanças e administração, Cláudio Batista e Tácio José Bertozo.

De acordo com a promotoria, eles teriam usado dinheiro público para participar de um seminário sobre campanha eleitoral, evento que não teria nenhum vínculo com o trabalho na administração.

Na ação Civil pública, a promotoria solicita a perda da função pública, a suspensão dos direitos políticos por cinco anos e o pagamento de multa de até 100 vezes o valor da última remuneração recebida.

A Justiça analisará os documentos providenciados para dar andamento no caso.