Hospital Unimed monitora seis casos suspeitos de Covid-19

Todos são monitorados quanto aos sintomas e quadro clínico

da Redação

O Hospital Unimed confirmou na tarde desta terça-feira, 31 de março, mais um caso suspeito de Covid-19, doença respiratória aguda causada por coronavírus. A unidade, no entanto, não forneceu informações quanto a sexo, origem e idade da pessoa internada.

A rede privada de saúde atende ainda a mais cinco casos suspeitos de Covid-19. Todos os pacientes são de Botucatu e que compõem o chamado grupo de risco. Desse total, duas são mulheres, uma na faixa dos 50 anos e outra acima de 60 anos. Também contabiliza três homens, sendo que dois acima de 55 anos e um paciente acima dos 60 anos.

Todos são monitorados quanto aos sintomas e quadro clínico, bem como recebem atendimento médico. Nenhum está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Até o momento Botucatu tem um caso confirmado de coronavírus.  Trata-se de uma mulher na faixa dos 60 anos e que está na UTI do Hospital das Clínicas. A mesma unidade contabiliza onze pacientes suspeitos, com duas mortes sob investigação.

Além desse, mais dezoito pessoas estão internadas na rede pública, concentrada no Hospital das Clínicas de Botucatu.