Pandemia reduziu renda de 68% dos brasileiros, indica pesquisa do Senado

Foram entrevistadas 1,2 mil pessoas com mais de 16 anos, distribuídas por todos os estados do país

Da Agência Senado

Pesquisa realizada pelo DataSenado mostra que a renda familiar de 68% dos brasileiros diminuiu devido à pandemia do novo coronavírus. Para 26% dos entrevistados, a renda permaneceu igual e, para 6%, aumentou. O levantamento foi realizado entre 18 e 23 de abril, com 1.200 pessoas, por meio de ligações para telefones fixos e celulares (clique aqui para ter acesso ao relatório completo).

Os entrevistados responderam ainda se concordam com a medida aprovada pelo Congresso Nacional que concede R$ 600 para trabalhadores informais de baixa renda durante a crise sanitária. 97% disseram que sim e apenas 3% discordaram.

O DataSenado quis saber também se os entrevistados sentiram sintomas como tosse, febre alta ou falta de ar na semana anterior à pesquisa. Somente 7% responderam que sim. A grande maioria, 93%, disse não. Entre os que sentiram os sintomas, 9% tentaram fazer o teste para saber se tinham o novo coronavírus e 91% não procuraram realizar o teste.

Metodologia

O nível de confiança da pesquisa é de 95% e o resultado é representativo da opinião do brasileiro. Os 1.200 entrevistados foram selecionados entre brasileiros com mais de 16 anos, em número proporcional à população de cada região, bem como ao sexo, à idade, à escolaridade e ao estado de ocupação.

O DataSenado tem se dedicado a fazer pesquisas sobre o enfrentamento da covid-19. A atuação do Parlamento é outro tema dos levantamentos feitos pelo instituto de pesquisa da Casa.

A pesquisa completa pode ser acessada aqui.