Segundo levantamento aponta que 0,7% da população de Botucatu teve covid-19

10 testaram positivo, e o restante negativo para o anticorpo

Da Redação

A Prefeitura de Botucatu finalizou o segundo levantamento epidemiológico na população para identificação do percentual de moradores que apresentam anticorpo para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Ao todo, 1.456 testes rápidos foram realizados em cidadãos de diversas idades e em várias localidades do Município. Desses, 10 testaram positivo, e o restante negativo para o anticorpo.

As coletas foram realizadas por equipes da Secretaria Municipal de Saúde, que visitaram as residências em dezenas de bairros do Município e colheram amostras de sangue de cada cidadão. Essas amostram foram levadas para o Hemocentro do Hospital das Clínicas da Unesp de Botucatu, que analisou o material.

“Concluímos que 0,7% das pessoas testadas apresentaram anticorpo do coronavírus. Esse é um número muito próximo ao primeiro inquérito, realizado em maio, que mostrou que 0,5% da população que já teve o contato com o vírus. Ou seja, uma expressiva maioria dos botucatuenses ainda está vulnerável ao contágio”, afirmou André Spadaro, Secretário Municipal de Saúde.

Esse resultado se soma a outros fatores que ajudam as autoridades médicas e a própria administração municipal a avaliarem medidas de isolamento social e flexibilização da economia, como a ocupação de leitos de UTI em hospitais da Cidade, o número de casos confirmados, entre outros.

A Prefeitura continua testando todas as pessoas que apresentam síndrome gripal, através do contato com a Central Coronavírus, no (14) 3811-1519.