Novo empreendimento no Centro Histórico de Botucatu deverá gerar mais de 500 empregos

Projeto prevê a construção do maior edifício do município, com 26 andares

Da Redação

Caso seja concretizado, o centro empresarial que deve ser construído na Alameda Dom Zioni, no Centro Histórico de Botucatu, poderá gerar  mais de 500 empregos diretos. O projeto de concepção foi apresentado esta semana na Prefeitura e prevê a construção do maior edifício do município, com 26 andares. Informação foi dada pelo Notícias Botucatu na última semana.

Além do complexo residencial, está previsto um hipermercado, torre empresarial e de consultórios médicos e odontológicos, bem centro de convenções. Segundo informações, caso o projeto seja aprovado pela Prefeitura de Botucatu, estima-se que a construção venha a gerar mais de 500 empregos diretos e mil indiretos. Após a conclusão, o empreendimento poderá ter mais de 500 trabalhadores no local.

Confira as maquetes do empreendimento

“Um grande complexo residencial, comercial e médico, que será construído na Alameda Dom Zioni, no coração do Centro Histórico, com 100% da mão de obra formada por profissionais e prestadores de serviços de Botucatu. Com a abertura de novas ruas e avenidas, como a Dom Zioni, Anel Viário, e a revitalização de importantes vias como a Dante Delmanto e Gastao Dal Farra, estamos induzindo o desenvolvimento econômico, atraindo novas empresas e gerando novos empregos em nosso município”, postou o prefeito Mário Pardini em sua página no Facebook.

Leia mais:

Centro histórico deverá receber maior edifício de Botucatu: 26 andares e complexo empresarial