Cada botucatuense pagou R$ 29 para custear a Câmara Municipal em 2020

Botucatu teve a quarta Câmara que menos custou para cada munícipe no período de referência de 2020

Da Redação

A Câmara de Botucatu obteve a quarta colocação no Mapa das Câmaras do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) como uma das mais econômicas. Foram avaliados 644 municípios paulistas e o legislativo local teve “Despesa liquidada com pessoal e custeio per capita”, ou seja, é a quarta Câmara que menos custou para cada munícipe no período de referência de 2020. Em números, o custo para cada botucatuense nesse período foi de exatos R$ 29,59.

Já há alguns anos o Legislativo botucatuense avança no quesito economia e eficiência e melhorando a posição no ranking estadual. Nesta última avaliação, subiu duas posições, indo da sexta para a quarta mais econômica do estado. Para a diretora administrativa da Casa, Silmara Ferrari de Barros, a classificação é o reflexo de um trabalho integrado. “Nosso compromisso é ‘fazer a diferença’.  E isso, tanto no bom uso do dinheiro público, com a execução racional e planejada do orçamento, quanto nas práticas, com foco na qualidade da prestação dos serviços aos munícipes”.

A diretora comenta, ainda, os esforços na condução das atividades num ano atípico, com os ajustes necessários para enfrentar a pandemia de Covid-19.  “Foi um grande desafio. Rapidamente tivemos que implementar novas rotinas, adequando-nos à necessidade de trabalho remoto de servidores, de operacionalização e validação das sessões virtuais e, em paralelo, adotando regras de contingenciamento, como renegociações, sobretudo nas renovações contratuais, para  a não aplicação de reajustes, por exemplo. Estar no topo do ranking das Câmaras com boas práticas administrativas nos estimula a continuar melhorando sempre”, completa Silmara.

Um pouco mais sobre o Mapa das Câmaras

O Mapa das Câmaras é uma ferramenta on-line do TCE-SP que traz informações de interesse para a sociedade no que se refere à população de cada município, ao número de vereadores e ao gasto total com pessoal e custeio, indicando também o gasto per capita de cada Legislativo e permitindo visualizar a classificação das Câmaras por ordem de gasto.

Confira um comparativo com cidades próximas ou com número de habitantes parecido:

Botucatu: 148.130 habitantes, 11 vereadores, despesa liquidada com pessoal e custeio R$ 4.426.441,67, custeio per capita R$ 29,59.

Itapetininga: 165.526 habitantes, 19 vereadores, despesa R$ 9.284.840,83 e custeio per capita R$ 56,09

Barretos: 122.833 habitantes, 17 vereadores, despesa R$ 12.112.972,02 e custeio R$ 98,61

Bauru: 379.297 habitantes, 17 vereadores, despesa R$ 16.499.697,78 e custeio per capita R$ 43,5

Avaré: 91.232 habitantes, 13 vereadores, despesa R$ 4.372.934,97 e custeio per capita R$ 47,93