Bauru renova com Famesp contrato para gestão de leitos UTI Covid-19

Novo período também será de 90 dias, portanto os leitos seguirão em funcionamento até outubro

Da Redação

A Prefeitura de Bauru renovou, em 14 de  julho, o convênio com a Famesp para a manutenção de dez leitos de UTI no hospital de campanha no ‘predião’ do HRAC/Centrinho-USP. Os leitos foram instalados em abril deste ano, e o convênio inicial teve validade por 90 dias, totalizando um investimento de R$ 2.225.862,00 com recursos municipais.

O novo período também será de 90 dias, portanto os leitos seguirão em funcionamento até outubro deste ano, para casos graves de Covid-19. Para isso, a prefeitura teve que contingenciar recursos no Orçamento deste ano em diversas áreas, como esporte, cultura e publicidade, para assegurar recursos para a saúde.

Com o pagamento da prefeitura, a Famesp realiza todo o serviço necessário para a manutenção dos leitos, com a contratação de profissionais, medicamentos e insumos, já incluindo aparelhos de hemodiálise, procedimento necessário em alguns casos graves. A instalação das vagas garantiu atendimento aos bauruenses que precisaram de suporte nestes últimos meses de pandemia.

O município também já solicitou ao Ministério da Saúde o credenciamento dos leitos, mas para isso ainda é preciso que o hospital não seja considerado de campanha, e sim uma unidade permanente. O assunto já vem sendo tratado pela prefeita Suéllen Rosim com o Estado, para que a União possa custear parte do valor.

Esses dez leitos são os primeiros de UTI do hospital de campanha, que no futuro deverá funcionar com uma unidade permanente, como Hospital das Clínicas (HC). Para isso, é necessário que o Estado transforme o HC em autarquia, através de lei, para que a unidade tenha recursos no Orçamento estadual. A prefeita Suéllen Rosim e o secretário de Saúde e vice-prefeito Orlando Costa Dias destacaram que o assunto é tratado como prioridade pelo governo municipal junto ao Estado.